Telenovelas

A Promessa: Laura e os familiares são expulsos do palacete

20 Junho, 2024

Na novela A Promessa, da SIC, as coisas não correm bem à família Rocha. Saiba porquê!

Em A Promessa, da SIC, Laura apanha a irmã a tentar entrar para um dos quartos do palacete e interpela-a. Verónica acusa Laura de já achar que é tudo para ela. A enfermeira diz-lhe que está apenas a aproveitar uma oportunidade de trabalho e Verónica vira-lhe as costas, irritada. Tomás olha furioso para António, enquanto Helena tenta amenizar a situação. O rapaz acaba por virar as costas aos pais e sair. Helena avisa António que não o vai perdoar por aquilo que acabou de acontecer.

Nuno conduz de forma insegura. Camila mostra-lhe o GPS e vai-lhe dando indicações enquanto lhe diz que ele é um atado. O filho de Maria avisa-a que não é motorista de ninguém e chama-a de histérica. Tomás atira algumas roupas para dentro de uma mochila quando Laura entra, por engano, no seu quarto. O rapaz olha para ela e bebe, de um só trago, o sumo que ela traz na mão. A enfermeira, ainda em choque, pede-lhe desculpa por se ter enganado no quarto. Tomás decide puxá-la para si e dar-lhe um beijo. A filha de Maria empurra-o, dá-lhe um estalo e sai, muito aflita.

Nuno e Camila chegam, finalmente, ao clube hípico e a jovem reconhece o jipe de Rodrigo, pedindo ao filho de Maria para não ir a lado nenhum. Tomás segue em direção ao seu carro, com Helena atrás dele. O rapaz quer ir embora, mas a mãe pede-lhe que fique e diz que António sabe que exagerou, mas que o adora. Tomás não acredita na mãe e arranca. No picadeiro, Camila confronta Rodrigo e a nova namorada e diz-lhe que o mínimo era ter acabado a relação, olhos nos olhos. O rapaz responde-lhe que ela não valia o esforço e Camila faz com que ele caia do cavalo enquanto se afasta, triunfante.

Camila já está prestes a entrar no carro, quando Rodrigo surge e a puxa. O rapaz levanta a mão a Camila e Nuno dá-lhe um soco. Os seguranças do clube aparecem e Camila e Nuno correm para o carro. No anexo, Lurdes levanta o colchão e tira de lá um envelope cheio de notas. Depois tira o dinheiro do envelope, sem se aperceber que a nora entra no quarto. Maria arranca o envelope das mãos da sogra e pergunta-lhe que dinheiro é aquele. Verónica vai até à piscina e fica deslumbrada com o que vê. Sorri e diz, para si mesma, que um dia vai ser dona daquilo tudo.

Maria e Lurdes discutem. Maria não acredita na conversa da sogra e exige saber a verdade, caso contrário vai perguntar diretamente a António. Lurdes acaba por confessar que prometeu Verónica a António. Ficamos no choque de Maria. Helena surpreende Tomás, na casa de férias, e avisa-o que vai voltar para casa, caso contrário cancela-lhe os cartões. O rapaz diz que o pai não aguenta a sua presença e que a ideia de família feliz só existe na cabeça da mãe. Helena já nem o ouve, diz apenas que o aguarda em casa.

Ainda em A Promessa

Maria, muito nervosa, caminha de um lado para o outro, quando Lurdes surge e lhe pede para falarem com calma. Maria não quer mais mentiras e pergunta se Isaura está metida com ela naquele esquema. A sogra diz-lhe que de onde veio aquele dinheiro, vem muito mais e que ela não pode arruinar a vida de Verónica.

Laura conversa com Miguel, quando ouve a mãe chamar por António. A enfermeira fica apreensiva e sai. Maria começa a subir as escadas, enfurecida, quando Isaura a puxa por um braço. António aparece e Maria confronta-o. Lurdes e Verónica assomam e ficam aflitas, pois temem que Maria arruíne o plano. Maria avisa António que a filha não está à venda e atira-lhe com as notas para cima. Ficamos na perplexidade de Laura e no desespero de Lurdes e Verónica. António diz a Maria que lhe disseram que ela queria uma garantia, para deixar vir a filha. Maria fica muito ofendida e diz que se vão todos embora. António manda-os sair. Laura apronta-se para seguir Maria quando Verónica se ajoelha aos pés do milionário e lhe pede para ficar, dizendo que não vai arranjar nora melhor que ela.

António ajuda Verónica a levantar-se e avisa-a que acabou o espetáculo, quer que saiam todos. A rapariga volta a implorar, mas o milionário é brusco e manda-a sair. Camila entra e pergunta quem é que andou a espalhar dinheiro. O pai nem lhe responde e afasta-se, furioso. Maria pede aos filhos que façam as malas. Verónica está muito revoltada e diz que a odeia. Nuno chega, quer saber o que se passa, mas Lurdes insiste para que ele vá arrumar as suas coisas. Camila conta a Helena o que se passou. Esta fica desconfiada, pois sabe que as pessoas eram da família de Isaura e António gosta sempre de ajudar os pobrezinhos.

De malas feitas, a família Rocha prepara-se para sair. Isaura informa que já chamou um táxi, mas Maria rejeita. Verónica lança um último olhar triste e sai. A família caminha em direção ao terminal de autocarros. Verónica vai-se queixando do que se passou e Laura pede-lhe que se cale. Verónica culpa a avó pelo falhanço do plano, mas Lurdes pede-lhe que não desista já, pois António mandou-os embora, mas continua com um problema para resolver.

Siga a Revista Maria no Instagram

partilhar | 0 | 0